Efapel ruma à Colômbia para iniciar época ao lado dos melhores

A Equipa Profissional de Ciclismo Efapel arranca com a nova temporada em território sul-americano. Uma grande novidade que vai ao encontro de todas as ambições previstas para 2019. A equipa portuguesa vai participar na Volta à Colômbia, entre 12 e 17 de fevereiro, ao lado de nomes como Chris Froome (Sky) ou Nairo Quintana (Movistar), que fazem parte do elenco dos melhores do mundo, ao correr no escalão World Tour.

A Efapel será a única equipa portuguesa e uma das duas Continentais a competir na Colômbia Oro y Paz. A estrutura de Ovar já deu a conhecer que competir ao mais alto nível, quer em Portugal como além-fronteiras, é uma das grandes apostas para este ano de trabalho, sempre com a conquista da Volta a Portugal no topo das aspirações.

“Os nossos objetivos na próxima época são claros e passam por voltar a lutar pela vitória na Volta a Portugal, com o Jóni Brandão na linha da frente, nunca esquecendo todas as outras competições nacionais, apostando, também cada vez mais numa internacionalização”, avança Américo Silva, diretor desportivo da equipa. Disputar provas espanholas como Castela e Leão, Astúrias, Madrid e Aragão também estão na mira do projeto internacional que a Efapel delineou para 2019.

Relativamente à Colômbia Oro y Paz (2.1), prova que será disputada de 12 a 17 de fevereiro, com seis dias que se dividem em 5 etapas e um contra-relógio por equipas, logo no arranque da prova, a participação da equipa nesta competição internacional é de extrema importância para a estrutura amarela e para o “main sponsor” EFAPEL.

“Sentimos muito orgulho na nossa equipa e por termos sido eleitos para esta grande competição, que marca assim o início de uma longa caminhada, sendo uma boa rampa de lançamento para a época de 2019 em território sul-americano, onde vai ser ouvido o nome Efapel e de Portugal”, rematou Américo Silva.

Quase em simultâneo, dia 10 de fevereiro, o tiro de partida para abrir a época de 2019 vai ser dado na “Prova de Abertura – Região de Aveiro”, onde a Efapel também estará presente.